[01 x 04] - Causa e Consequência

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Admin em Seg Jul 25, 2016 1:44 pm


Aparentemente, as ameaças não querem esperar que Alisson e Anne aprendam um pouco mais sobre se virarem sozinhas. Enquanto Victor busca saber mais sobre o que os Lobisomens estes parecem antecipar o movimento e o capturam, o que o leva em uma jornada espiritual mais profunda onde reencontra não apenas o seu pai mas, pessoas perdidas em algum lugar de seu passado...

Enquanto os demais vão em seu seu resgate, Victor entretanto consegue fazer o seu caminho de volta ao mundo dos vivos, e juntamente com o seu companheiro de cela escapam graças a alguma coisa que aparentemente massacrou os lobisomens no caminho, deixando o caminho livre para o grupo e David, o prestativo colega de cela a saírem dali seguros.

Sem levantar a suspeita que ele poderia ser muito mais envolvido em tudo aquilo do que aparenta...


10 dias depois...
--------------------------

Victor passou a maior parte dos dias reclamando do que queria fazer, do que deveria fazer e encontrado desmaiado em diferentes distâncias entre seu quarto e a porta. Após as primeiras ocorrências e constantes pedidos das garotas entretanto, ele acabou por perceber que poderia precisar de um pouco mais de descanso. Especialmente porque as pistas pareciam esfriar ja que o local onde estava preso foi rapidamente colocado abaixo, aparentemente parte de uma ação do estado para revitalizar a área, tudo parte de um amontado papel de uma grande corporativa.

Que ele disse a vocês claramente ser a definição de "bater de frente com uma parede."

Mas ei, ele ja esta bem melhor! Pronto para ação!

Mas vamos dar mais um turno de descanso para ele...

DEAN:
----------------

Talvez ja faça algum tempo Dean, que as coisas começaram a ficar...Estranhas. E não estou me referindo a sair caçando criaturas sobrenaturais por ai com um Índio ou com um par de garotas, mas sim que sua memória parece estar lhe pregando peças. Coisas simples, respostas, perguntas, instantes que você sente como se não estivesse no controle. Sonambulo ou até mesmo no piloto automático. Gostaria dizer que isso não é nada e vai passar mas...

Entretanto, uma boa noticia: Você tem uma reunião marcada com alguns figurões da policia a respeito de sua condição.

Apesar que você não sabe muito bem se ainda quer voltar.

De qualquer forma, Você garante que as garotas vão ficar bem, ja que elas mal estão saindo de casa garantindo que Victor não saia de casa. As coisas estão meio paradas mas vocês podem ter se acostumado mal, uma vez que finalmente estão reunindo algum tempo para se conhecer melhor e se preparem melhor. Amanha é o grande dia, um grande dia na sua vida Dean. Fechar os olhos e colocar a cabeça no travesseiro.

Dormir.

...

- Então você sabe muito bem como funcionam essas coisas, mas agora esta tudo parado. Realmente não sei o que o trouxe aqui mas...Acho que não posso ajudar.Como é mesmo seu nome?



Eu gostaria de dizer que existe algo mais para explicar para você Dean mas...Não tem. Você em um piscar de olhos esta ali, sentado no balcão, com um copo de Whiskey na sua frente sem idéia do que,quando e onde. Claro que o Barman parece entretido na conversa.

Que você sequer sabe como começou

ALISSON E ANNE:
----------------

Quando vocês não estavam por ai juntando um índio jogado pelos corredores, vocês tiveram uma semana bastante agitada. Mas não parece do tipo de agito ruim: Vocês nunca tiveram em uma briga séria na vida antes, e jamais esperaram se envolver em uma antes de algumas semanas atras, então é bom estarem preparadas para o que encontrarem pela frente, e não que 9 em 10 vezes acabem em um resultado negativo para vocês.

Alisson, você não precisa virar um lutador de artes marciais mas...O que se pode dizer de alguém instruída por um policial? Agora você sabe muito bem como derrubar alguém, a melhor forma de torcer um braço e principalmente: Como e onde bater. Foi bem ortodoxo na verdade, muitas explicações e pancadas em sacos de pancadas, mas você se sente bem mais segura em explorar os perigos do mundo sabendo que pode derruba-lo no chão e apontar uma arma na cabeça dele antes dele reagir.

Anne, acho que podemos dizer exatamente o contrario: Explicações e detalhes técnicos nunca foram muito o forte da Faith, mas o resultado é basicamente o mesmo. Ela parece ser mais voltada para "improvisação", "elementos surpresas", distração, atacar aonde doí mais, bater aonde pode quebrar mais facilmente, uso de cadeiras garrafas e qualquer coisa do estilo que com certeza vai causar um belo estrago e desejar não ter lhe julgado errado.

Digamos que Alisson teria mais facilidade em uma competição marcial e Anne em uma briga de rua.

Mas ei, o efeito pratico é o mesmo.

Algo dito tanto por Dean quanto por Faith durante esses treinos é a importância de ter um..."Parceiro de treinos".

E bem...Mesmo sendo amigas vocês podem querer saber quem levaria a melhor.

Mas isso, vai ter que esperar um pouco.

Antes que colocassem essa ideia em prática, um som denuncia o que mais pode ser explicado como...O surgimento de um portal? É a palavra mais simples de se definir, mais parecido ter saído de um filme de ficção cientifica, ali parado no ar diante de vocês. Ele se expando como uma tela, parecendo transparente mostrando o outro lado da cabana até vocês perceberem que a algo de errado...

- Funcionou! Você conseguiu! Estou vendo elas, deu certo!

- Eu gostaria que você não parecesse tão surpresa...


Duas figuras femininas, do outro lado do portal parecem olhar para vocês. Uma sentada ao sofa. com o cabelo tapando parte do rosto se levanta segurando algo enquanto aquela atrás dela se justica enquanto da a volta se aproximando:

- Desculpa, mas vamos combinar que não é sempre que isso da certo...Bem, enfim. O que você dizia agora?

As garotas diantes de vocês desde o começo pareciam familiares, mas não é uma idéia rapida de se absorver. Mas logo fica claro que apesar de algumas diferenças no cabelo e detalhes menores. Vocês sabem muito bem quem são aquelas duas.

Vocês mesmas.

- Precisamos da nossa...Da sua ajuda.

Enquanto o cabelo de Anne parece mais comprido, e em um tom mais puxando o vermelho, Alisson tem uma diferença mais clara, que pode ser percebida no rosto dela quando ela arruma um cabelo com uma das mãos, logo voltando a segurar um conhecido livro.

Aparentemente, em algum momento futuro você vai começar a usar tapa olho Ali.


Última edição por Admin em Qui Nov 24, 2016 11:46 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 132
Data de inscrição : 24/03/2015
Cargo : Vilão em tempo Integral

Ver perfil do usuário http://theaftermatch.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Allison Reynolds em Qua Jul 27, 2016 1:27 pm


Bom, no final das contas, o Índio estava salvo, e o mais importante... Todos eles estavam vivos.

Mas toda vez que retornavam de uma missão, o sentimento que ficava era o mesmo.

“Podia ter dado uma merda muito grande.”

Então Anne e Allie usavam o tempo que tinham de relativa “paz” para treinarem. Esse sentimento de que não estavam prontas para enfrentar o que aparecesse, era de certa forma, frustrante.

Mas então, dessa vez, a coisa fluiu melhor. Anne treinava com Faith, e Allie com Dean. O treinamento de tatuada era para aprender a lutar de uma forma mais... formal, digamos assim (luta formal? Aff, Allie, isso nem existe).

Allison e Dean haviam se dado bem desde o início, então era legal treinar com ele.

Digamos que agora Allison se sentia segura o suficiente para sair sozinha por aí a noite. Sabia que teria tempo de reagir caso algo a ameaçasse. E o mais importante... sabia onde bater.

Enfim: Valeu, Dean!

Dividia seu tempo em treinar com Dean e cuidar de Vic, afinal era difícil convencer o índio de que ele realmente precisava descansar. Na verdade ele se convencia mais disso quando desmaiava em algum lugar entre a cama e a porta do quarto.

Poucas vezes ela dedicou-se a abrir o livro, já que esse não parecia nada.. colaborativo, e Allie já estava se convencendo que o artefato tinha vontade própria.

Um dia, após sair por algumas horas, Allie voltou, bateu de leve na porta do quarto de Victor, e como não obteve resposta, entrou.

- Eu trouxe seu carro de volta. Aliás, mandei consertar a janela quebrada. Acho que você vai querer dar uma volta quando estiver melhor. Tomar umas cervejas, tenho certeza.

Falava meio sem ter a certeza se ele estava dormindo ou acordado, mas baixo. Colocou a chave na mesinha do lado da cama, sorriu levemente e saiu, deixando a chave ali. Por favor, fique bom logo, Vic.

Treinar com Anne não era uma ideia ruim, mas Allie não sabia se teria coragem de lutar de verdade com ela. Poxa, gostava da garota, era difícil bater numa amiga.


Ok.. As vezes Allison atirava nas amigas, mas...

Poxa, não vou fazer isso com você Anne, juro.

Elas não tiveram tempo de treinar efetivamente, visto que.. algo aconteceu.

Algo como um portal se abriu diante delas. E através dele puderam ver duas figuras perturbadoramente familiares.

Ok, tiveram que olhar com mais calma para perceber que.. se tratavam delas mesmas!

"Porque eu pareço TÃO badasss?", pensava ao olhar melhor para a figura, ainda meio em choque, e perceber que ela usava tapa-olho? Em que momento da vida de Allison ela tinha virado uma cópia do Snake Plissken?

E era perturbador pensar que, se fosse ela dali a alguns anos, havia se machucado feio assim.

Anne, por outro lado, não estava TÃO diferente, a unica mudança mais visível era a cor do cabelo.

Muitas perguntas. O pior era que... Eram perguntas que talvez não pudessem gostar da resposta.

O Vic e o Dean não deveriam estar ali?

Elas diziam que precisavam de ajuda.

Ok... vamos começar do começo. Bem simples, apesar de um milhão de coisas e probabilidades estarem passando pela cabeça de Allison, o que ela perguntou as duas foi...

- Vocês são a Allie e a Anne do futuro ou da Terra 2?

Ler quadrinhos eventualmente torna você uma pessoa meio idiota.
avatar
Allison Reynolds

Mensagens : 95
Data de inscrição : 25/03/2015
Cargo : Paranoica em desenvolvimento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Annelisa Deveraux em Qui Jul 28, 2016 9:43 pm

Então, vamos lá... de novo.

Mais uma vez... escaparam por triz.

Victor principalmente. Quando saíram do local e levaram o índio para casa... Era perturbador analisar cada ferimento dele. Bem, a faculdade teve o seu benefício, afinal. Como ele recusava-se a ir até um hospital, com a ajuda de Allie, reuniu alguns itens de primeiros socorros e tiveram que dar um jeitinho na cabana mesmo. Já os cortes de Anne não eram graves ao ponto de precisarem de pontos, ou coisas do tipo, embora incomodassem.

Enfim... estavam os quatro vivos e juntos, como tinha que ser.

Parece que a cada episódio, Annelisa ficava mais confusa. E não obteve nenhuma resposta de Wil... E agora, não era só por causa das asas que surgiram em suas costas ou sobre o acontecimento no show de Cora, mas também pelo que seu agressor tinha dito antes da loira cravar a faca em sua cabeça – informação que ela compartilhou com todos do grupo, além de explicar o surgimento repentino da tatuagem. Explicar não, né? Apenas contou, pois não existia como esclarecer algo que ela própria não entendia. E Anne não era a única a carregar dúvidas, obviamente...

Quanto mais eles rezam, mais assombrações aparecem, vixi.

A semana foi bastante agitada.

Além de cuidarem – e vigiarem – um índio que não parava quieto na cama, ela e Allie tiveram aulas de defesa pessoal com Faith e Dean. Digamos que... Faith precisou de uma boa dose de paciência, apesar da determinação de Anne. No entanto, os treinamentos renderam bastante, pois a garota aprendia rápido. Não possui o físico de uma atleta ou a força de uma lutadora, porém a outra caçadora lhe mostrou como usar elementos do cenário ao seu favor e que sua aparência frágil poderia ser uma "arma" na hora da luta, entre outros detalhes, de como bater e qual o local certo a se atingir.

Podia se ver num bar, pedindo uma bebida e de repente, um engraçadinho surge e tenta passar a mão nela e... Ahá! Ele não estava esperando que ela fosse ter a coragem de acertá-lo com a garrafa no meio da cabeça!!!

TOMA!

Fácil, fácil.

Lobisomem desgraçado...

Viu?

Isso que dá se meter com... ok, chega, chega.

A parte mais “chata” era o fato de que teria que treinar com Allie, e Anne não se sentia nada confortável em brigar com amiga, mesmo não sendo de verdade.

E isso estava claro no olhar dela enquanto a olhava com uma feiçãozinha hesitante... – ela atira nas migs.... quase esqueceu dessa pequena observação... mentira, Allie, ó, coração para você <3

No entanto, antes de concretizarem o conselho, algo aconteceu.

Algo SEMPRE acontece.

Após um barulho estranho, surge um... portal?

Anne aproxima-se mais de Allie, mas sem tirar os olhos do mesmo, que expandia-se, até a figura de duas meninas se destacarem do outro lado. Hum? Já estava numa posição mais retraída, só que... notou a semelhança que as desconhecidas tinham com ela e Allison. Espera... Semelhança?

ERAM ELAS!

Uma Allison caolha e uma Anne quase ruiva!

Trocou um rápido olhar com Allie, ainda incrédula, e a amiga era a primeira a falar e perguntava a questão que com certeza seria a mais simples, apesar de já ser complicada e... Nossa. Anne pressionou as têmporas e voltou a fitar a dupla.

- Por que precisam da nossa ajuda? Bem... Não sei se vocês sabem ou não, mas nós não estamos numa situação muito melhor... Ok, isso é muito estranho. Não que nada até agora não tenha sido muito estranho, mas... Tá bom. Certo... – respirou fundo e suspirou em seguida.

E quando se acha que mais nada no mundo pode surpreender...
avatar
Annelisa Deveraux

Mensagens : 90
Data de inscrição : 25/03/2015
Idade : 20
Cargo : Espécie Desconhecida

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Dean Hartigan em Qui Jul 28, 2016 10:01 pm

Não é sempre que eu tenho que tirar o terno do armário e passar a camisa de linho, mas... hoje é um desses dias. Ou era pra ser...

Tudo o que me lembro é de ir dormir e agora estou sentado em um bar olhando para um barman que mais parece um lenhador e que está respondendo algo que nem lembro de ter perguntado.

Olho pra ele com uma cara estranha e depois para o meu copo de whiskey... Coço a cabeça e pergunto.

D: Cara... como eu cheguei aqui? Quantas eu bebi?

Droga! Será que fui pra minha reunião com os caras da polícia? Será que falei merda? Afinal... porque diabos eu tô bebendo? Será que me desligaram dA Força?

Só tem uma maneira de descobrir...

D: Onde nós estamos?
avatar
Dean Hartigan

Mensagens : 57
Data de inscrição : 30/07/2015
Cargo : Personal Stalker

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Admin em Qui Jul 28, 2016 10:41 pm

ANNE E ALISSON:
----------------

Anne 2 e Alisson 2? Criativo.

As "outras" Alisson e Anne trocavam um olhar, que misturava familiaridade mas longe de achar aquilo normal, fazendo quase que inevitável vocês fazerem o mesmo. Curiosamente Anne parecia também parecia um pouco mais retraída ao contrário de Alisson, mexendo de uma forma nervosa no próprio cabelo como Alisson, ambas, ja tinham visto dezenas de vezes. Talvez percebendo isso, ela parava. Mas antes que dissessem qualquer coisa se interrompiam ouvindo um som no andar de cima da cabana, algo parecendo uma conversa em um tom mais alto.

- O que será que Victor esta fazendo com...

- Não Anne! Elas ainda...Nós não...

Dizia Alisson a interrompendo. Em seguida, se voltava mais uma vez para o portal.

- Escutem, nós não temos exatamente todas as respostas, mas precisam acreditar na gente. A razão de tudo isso, é que estávamos perseguindo um metamorfo mas...Não contávamos que eu não era a unica la que gosta de brincar com magia nas horas vagas. Ele não apenas fugiu, ele se deslocou no tempo. Se deslocou para onde vocês estão.


Quando as coisas não parecem ficar mais confusas, elas ficam.

- Eu sei que é confuso, acreditem nós sabemos. Mas...Não podemos dizer nada, qualquer coisa que dissermos pode alterar tudo. Existem coisas que gostaríamos de mudar, mas...Aconteceram.

Ambas as garotas ficavam em silêncio, Alisson parecendo passar a mão mais uma vez no tapa-olho de leve.

Destino é uma droga hein?

- Por isso que vocês não podem falar isso para o Victor. - Parecendo prever a reação de vocês, uma Alisson frustrada bem familiar a Anne impedia qualquer interrupção. - Eu sei que é uma droga ta legal? Mas ele NÃO SABE que fizemos isso. E se vocês falarem, isso...Vai bagunçar com tudo!

Talvez fosse uma linha de raciocínio mais complicada para Anne, mas Alisson era nerd o bastante para entender.

Ok, não entender, mas ao menos para não enlouquecer em meio a tudo isso.

DEAN:
--------


Bastante direto hein Dean?

Tanto que assustou o seu amigo Barman. Ele logo percebe que tem algo errado, você não parece a mesma pessoa de instantes atrás.

Ao menos o gosto em sua boca mostra que seu "Eu sonambulo" tem bom gosto. Bebida de qualidade, mas...Não é algo que você pediria.

Talvez você esteja apenas ficando louco Dean.

- O que...Você esta bem? É algum truque policial que eu não conheço? Olha cara...Eu não quero confusao, talvez fosse melhor simplesmente...

Acordar?

Porque agora, é o que parece acontecer Dean, de novo.

Sua cama? Não dessa vez.

Carro em movimento. Mas não se preocupe, você não esta dirigindo.

Na verdade é uma figura bem familiar ao seu lado, Victor.

Ainda um tanto abatido, cansado mas talvez de certa forma satisfeito em poder tomar um ar e leva-lo até...

Bem você não tem mais certeza.

Alias você não tem mais certeza de coisa alguma.

Onde? Quando?

Victor entretanto parece não ter problema algum. Ele parece falar sem preocupação.

Porque não ouvimos o que ele tem a dizer?
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 132
Data de inscrição : 24/03/2015
Cargo : Vilão em tempo Integral

Ver perfil do usuário http://theaftermatch.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Allison Reynolds em Qui Jul 28, 2016 11:20 pm

Quando Anne lhe contou sobre o que o lobisomem falou sobre o seu sangue, Allie tentou disfarçar um pouco a preocupação e deixar a amiga tranquila. Eu sei que isso era mais estranho do que a tatuagem, a ex-stripper prometeu para a amiga que ajudaria a descobrir o que era aquilo. Não sabia como, mas ainda assim, faria o possível para ajudá-la.

---

A "Anne 2" ia dizer alguma coisa, quando a Allie caolha a interrompeu. Isso fez a Allie do presente que ainda não era caolha arquear uma sobrancelha, em dúvida.

O que era tão importante que não podia saber? Porque Allison não teria interrompido Anne se fosse importante. Olhou para cima, na direção do barulho. Em seguida os - ainda dois - olhos castanhos da tatuada, miravam a versão mais ruiva de Anne, tentando de forma, inútil talvez, completar o que ela havia dito.

- ... Dean? - tentou não encarar muito a caolha tatuada, ahn.. que era ela mesma, mas buscar em Anne, mesmo que esta não falasse nada, alguma reação que confirmasse o que perguntou.

Em seguida Allie e Anne explicavam melhor o motivo de estarem ali.

O fato de estarem lidando com um metamorfo, segundo elas, era mais grave ainda, pois levando isso em conta podia ser qualquer um. Como não ficar paranoica? E como ter certeza que falavam a verdade? Ou... que eram elas mesmas?

Ainda sobre não poderem falar com Victor sobre isso, dava espaço a mais algumas teorias. Nunca fora uma especialista em viagens no tempo e em linhas temporais, mas já havia lido um pouco a respeito. Além disso, sei lá, assistiu Efeito Borboleta, isso conta como bagagem para entender um pouco como tudo funciona?

"Resista pra perguntar como isso aconteceu", era o que pensava ao ver a si mesma mexendo no tapa-olho um tanto sem jeito. Porque não era algo que ela devia saber. Não era algo que ela QUERIA saber. Como a Allie caolha atirava com aquilo? Andava na rua com aquilo na cara?

- Quando eu... ahn... nós... criamos o site, qual foi a primeira senha que usamos? - Não leve a mal, Allie do futuro, afinal se sou eu mesmo você já sabe que eu não acreditaria na história da primeira caolha parecida comigo que aparece através de um portal.

Talvez eu esteja andando demais com o Vic e ficando paranóica. Bom, ao menos ainda não apontei a arma para ninguém.

Mas assim que a Allie caolha responde minha pergunta corretamente, podemos continuar com a conversa.

- E como nós vamos fazer para encontrar esse metamorfo?
avatar
Allison Reynolds

Mensagens : 95
Data de inscrição : 25/03/2015
Cargo : Paranoica em desenvolvimento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Annelisa Deveraux em Sex Jul 29, 2016 9:15 pm

Era como encarar um espelho, certo?

Quem nunca conversou com o próprio reflexo na vida? Eu, hein.

Qualquer movimento das outras duas era tão absurdamente parecido com o que elas faziam que... impossível não ficar bugada. Mas respiraria fundo, uma, duas, três... um milhão de vezes se fossem necessárias. Anne aguardava as respostas delas com a atenção redobrada, já que bastaram as presenças para aturdi-la... não queria nem pensar nas razões que as trouxeram.

Assim como a amiga, percebeu que Anne 2 estava prestes a revelar um nome importante, mas Allie 2 não deixou. Allison até tentou pescar algo, porém a loira tinha quase certeza que não se tratava de Dean. Afinal, por que mencionariam Victor com facilidade, mas hesitariam em falar do policial?

Allie do futuro quem começava com as explicações.

Então...  se tratava de um metamorfo? Um metamorfo que veio do futuro para fazer bagunça no presente? Que filho da... mãe. Adiantando uma encrenca que só era para acontecer daqui alguns anos, ou sabe-se lá quantos ao certo. Anne coçou a nuca, mostrando uma carinha de quem tentava entender, e enquanto isso, Allie 1 fazia uma pergunta para a 2, na inteligente intenção de saber se... bem, se ela era mesma. Annelisa considerou imitá-la, mas... o primeiro pensamento que lhe veio na cabeça nublou sua expressão de um jeito atípico. Porém, desapareceu rapidamente, substituída por um suspiro baixo.

- Eu te perguntaria minha... nossa... senha no Facebook, mas... até eu me confundo algumas vezes, ou seja... não seria justo com você, não, hm... comigo...

“Existem coisas que gostaríamos de mudar, mas aconteceram...”

E o fato de não poderem contar para o Victor...

Complica ainda mais o que já estava muito ruim.

- Vou fazer um acréscimo, Allie: E como nós vamos fazer para encontrar esse metamorfo... sem falar nada com o Vic?

Claro que elas tinham essa resposta, no entanto...

Provavelmente não contariam.

- Não podemos contar para ninguém, tipo... ninguém mesmo?

Ela suspirou.

- Vocês precisam nos dar uma direção porque até agora só acumulamos dúvidas e problemas... e as coisas não parecem estar próximas de um desfecho... Na verdade, só pioram.

Entretanto...

O fato de estarem de frente para o futuro... significa que fizeram o certo no presente, né? Que conseguiram... resolver a situação?

Deveria sentir alívio?

É, deveria, mas o tempo é uma linha tênue demais...

Insegura demais para se confiar.
avatar
Annelisa Deveraux

Mensagens : 90
Data de inscrição : 25/03/2015
Idade : 20
Cargo : Espécie Desconhecida

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Dean Hartigan em Dom Jul 31, 2016 6:04 pm

O Barman parece assustado. O que seria a postura de umapessoa normal... se fosse um sonho, ele possivelmente teria uma atitude mais "Morpheus" comigo, ao invés de defensiva. Parece que eu simplesmente bebi e estou...

AAHHHH!

Me levanto num solavanco do balançar do carro. Esfrego os meus olhos, querendo espantar o sono e olho para os lados. Pela janela, o cenário... do outro lado, Victor, no volante.
Ok! Isso é estranho... ou estou louco, ou então alguém deve ter me drogado. Porque não me lembro de ter saído de casa com o Victor! Na verdade, esse cara devia estar em casa com as duas babás tomando conta dele.

Dean: Mas que p...

Sacuda a cabeça. Ok, melhor tentar agir normalmente. Não queremos outra "reação de barman" por aqui.

Dean: Victor? Onde nós estamos... indo?

Confiro se a minha glock está aqui, discretamente. Hoje e dia, nada mais me impressiona. Já vi lobisomens, garotas fantasmas, zumbis... a enxurrada de coisas sobrenaturais come de esmola desde que conheci o velho.

Aguardo a resposta e a reação do meu colega... isso poderia ser um sonho dentro de outro sonho?
avatar
Dean Hartigan

Mensagens : 57
Data de inscrição : 30/07/2015
Cargo : Personal Stalker

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Waya Victor Ka-e-te-nay em Seg Ago 01, 2016 5:00 pm

Era um saco isso.

Eu nunca fiquei de cama.

Nunca! Sério!

Já cacei com febre superior a 38º graus.

De braço quebrado.

Olhos que pareciam que pulariam fora da órbita de tão inchados.

Nem treinar as garotas eu podia… Era levantar que uma vertigem forte me jogava no chão.

Quando insisti, abri alguns pontos, para raiva de Anne.

Devido à insistência de ambas… Acabei desistindo.

E em um desses dias de inutilidade que vi Allison entrar no quarto.

Eu senti ela entrar, mas mantive os olhos fechados até ouvir sua voz, mesmo que baixa.

Esbocei um leve sorriso ao ver a chave.

- Usou um dos meus cartões? - Ah sim, “seus cartões”.

Tratava-se de cartões clonados, afinal… Caçar monstros não dava dinheiro.

- Obrigado, Allie… Por… Tudo – A voz era tão baixa quanto a sua, mas em um tom muito rouco – Vai ser a primeira coisa que vou querer fazer… E você vai comigo.

Não era bem um convite, era?

Além do mais, você merecia uma rodada paga por mim. Era o mínimo.

Mas hey… Chega de flashback, certo?

Agora estou atrás do antigo volante do Bronco.

Vento contra o rosto conforme o motor ronrona com a perfeição de um relógio suíço.

É sério, Dean… Você andou em carros zero quilômetro menos confortáveis que aquela maldita caminhonete.

A suspensão regulada com perfeição aceitava o asfalto da estrada como se fosse uma velha amante.

E os bancos de couro fechavam o conforto.

Claro que saber que se estava sentado sobre um arsenal não deveria ser tããão confortante assim, mas… Vamos ignorar isso.

Victor cerrava os olhos ao ver você acordar.

- Bom dia, bela adormecida… Se soubesse que você dormiria o caminho todo teria trazido um travesseiro… - A voz soava irônica, com um leve sorriso no canto dos lábios.

E então ele cerrava os olhos e o sorriso sumia com a pergunta – Como assim onde estamos indo? Você me chamou para sair, tomar alguma coisa depois de tanto tempo na cama… E eu como não via a hora de sair daquela maldita cama, estou aqui. Você está bem, Dean? - Todo tom brincalhão havia desaparecido, conforme Victor o olhava de rabo de olho, dividindo a atenção entre você e a estrada.
avatar
Waya Victor Ka-e-te-nay

Mensagens : 83
Data de inscrição : 26/03/2015
Idade : 26
Cargo : Lobo quase Solitário

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Admin em Ter Ago 02, 2016 12:17 am

DEAN e VICTOR:
--------------------

Tsc...Dean, Dean.

Você poderia ter esperado o que Victor ia dizer, talvez lhe desse uma pista maior.

Apesar que...Mesmo surpreso, ele parece responder sua pergunta.

E sabe o que é mais curioso Dean? Quando ele fala, você lembra do convite, claramente.

Dele aceitando, de você pegando sim sua Glock e entrando no carro.

O unico problema, você lembra disso tudo como um filme.

Como se não fosse você.

Tem certeza que realmente não acha nada daquilo estranho?

Será que Victor realmente disse que você estava dormindo porque estava, ou porque você pareceu acordar agora?

Muitas perguntas e poucas respostas.

E a pior parte. Você não vai conseguir perguntar mais nada Dean.

Talvez acordar não fosse a melhor explicação, para você agora foi mais trocar de canal.

Um simples piscar de olhos e você esta bem sentado na delegacia de policia.

A sua frente, não é o seu antigo chefe e sim uma mulher.

Engraçado, você não precisa da placa, você simplesmente sabe o nome dela

"Capitã Santiani"

Como você sabe disso Dean?



Já é a terceira pessoa que parece perceber sua "piscada", ja que ela parece nitidamente incomodada

- Alguma coisa que deseje.... Acrescentar antes de ouvir meu parecer?

Pelo visto todos querem ouvi-lo...Só falta saber o que dizer.

ANNE E ALISSON:
-----------------------

Anne parecia mais compreensiva com Anne, enquanto Alisson parecia um pouco mais desconfiada.

- Vocês não precisam "não contar" para ele. Apenas não digam o que aconteceu, isso. - E ela apontava confusa para todas vocês uma a uma. Não era muito difícil de entender. - Isso pode como ela disse, afetar tudo...Causa e consequência.

Belas palavras.

Alisson, a diante de vocês parecia revirar os olhos, ou seria apenas um olho? Antes de responder com um tom tedioso e com certa normalidade. - Monkeyslut. Eu vou enviar um papel com as coordenadas, vocês vão avisar Victor e ir até la. É uma caçada, sabemos que vão conseguir.

Enquanto Alisson escrevia em um papel emcima de uma cópia exata da mesma mesa diante de vocês, Anne parecia perceber o olhar de sua "duplicada" sobre ela e parecia responder algo que querendo ou não, estava em sua cabeça:

- Não...Pinte nosso cabelo, não vai adiantar.

Ahn?

Duvidas a parte, Alisson sussurrava umas palavras e o pedaço de papel desaparecia...Apenas para reaparecer na frente de vocês. Sua letra Ali, como se fosse você mesma quem escreveu.

Espere...Foi você.

o portal começava a se fechar, e assim como vocês as "garotas" pareciam perceber, mas aparentemente não tinham mais nada a dizer, apenas olhando para vocês com confiança e com um gesto positivo com a cabeça, sabendo que elas...Dariam um jeito.

Segundos antes daquilo tudo desaparecer entretanto, era possível ouvir claramente algo mais:

- Quem diabos é "Dean"?

Bem...Independente disso, agora são só vocês duas.

Vocês vocês.

Então...Apesar de tudo, um certo índio esta la encima esperando para ser avisado.

Quem quer fazer as honras?
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 132
Data de inscrição : 24/03/2015
Cargo : Vilão em tempo Integral

Ver perfil do usuário http://theaftermatch.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Allison Reynolds em Qua Ago 03, 2016 9:57 pm

Ora, mas é CLARO que eu estou desconfiada.

Acha mesmo que a Allison vai acreditar na primeira caolha que parece - bom, que parece MUITO - com ela, ok, surge num portal assim? Nem vem.

Mas, quando ela diz a senha...

Ok, não tem muito o que questionar agora.

O fato é que Allison acompanhava a Allison caolha falando e... gente, em que parte do espaço-tempo eu viro uma vaca?

Porque a vontade que ela tinha era de dizer "não me diga o que fazer, desgraça", e se levar em conta que era ela mesma ali... isso era mais estranho ainda.

Anne, você continua fofa, ainda bem. Que diabos aconteceu comigo? Ser caolha faz a gente perder a paciência?

Allie apenas pegou o papel que aparecia na mesa de forma mal humorada, enquanto as duas garotas no portal desapareciam.

- Como assim eu não sei quem é o Dean? - perguntou para Anne um tanto confusa, quando estavam sozinhas de novo.

Se bem que teoricamente... elas estavam sozinhas antes. Acho... que eu odeio viagens no tempo. Anotem isso.

Não tinha como saber, e não era hora de ficar elaborando teorias. Mas, saber que além do olho, e de ser no futuro uma vaca, a possibilidade de ter a memória zoada... deixava Allie bem preocupada.

- Anne... eu ouvi o suficiente pra acreditar que realmente somos nós. E eu realmente não gostaria de esconder isso do Vic, mas... De alguma forma parece importante não falar nada. O que você acha?


Ouviria caso Anne tivesse alguma ideia.

Em seguida, Allie pesquisaria para qual lugar dariam as coordenadas que a Allie caolha lhe passou. - Você não odeia isso? Não é mais fácil dar o endereço?

Ops, será que já estava sendo afetada pelo mau humor da Allie caolha?

Sabendo o local, combinar uma história? Não era tão difícil assim, sabendo da forma absurda como as coisas aconteciam o tempo todo para eles. - Certo, uma ligação anônima, de um numero restrito, disse que foi notado algo estranho nesse endereço. Ah... Já sei, dizemos que não temos certeza, mas que pela voz no telefone parecia ser a Faith.

Não gostava de mentir, e gostava de mentir menos ainda para o Victor. Mas.. talvez devessem dar algum crédito a si mesmas, não teriam tido todo o trabalho de aparecer ali se não fosse extremamente importante.

Concorda com a ideia, Anne?

Combinado isso, era hora de chamar o Vic. Allie se prontificou a subir as escadas, e bateu de leve na porta do quarto do índio.

-... Vic?
avatar
Allison Reynolds

Mensagens : 95
Data de inscrição : 25/03/2015
Cargo : Paranoica em desenvolvimento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Admin em Qua Ago 03, 2016 10:17 pm

ADENDO:

Sabe o que é legal de viagens no tempo? Eventualmente vocês vão ter a resposta

A não ser que ferrem TANTO o presente que façam o futuro em pedaços.

Mas não é disso que queremos falar agora Ali.

Enfim, você sobe as escadas, ainda pensando no que dizer para Victor e quando sua bela mão tatauda se ergue no ar, a porta se abre.

E da próxima vez...Pense em sorvete de flocos.



- Ah...Ali! Oi!

Pelo jeito você vai precisar de outra desculpa Alisson. Tendo em vista que Faith esta aparentemente saindo do quarto de Victor.

E talvez isso explique as dezenas de perguntas na sua cabeça:

Quando ela subiu?

O que ela estava fazendo la?

É impressão sua ou ela parece...Estar arrumando a roupa?

- Bem...Eu ja estava saindo, se cuida ta legal? Você também Vic...

Faith parecia surpreendida no primeiro momento. Mas sem jeito? Em momento algum.

Ela tentaria passar, e agir como ela é, passa sem nem tocar em você. Ela ainda vai trocar uma ou duas palavras com sua "aprendiz" antes.

Deixando você com algumas...Duvidas do que ela fazia ali.

Que prontamente, Victor pode responder certo Victor?

Se quiser responder.

E se você quiser perguntar Ali.
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 132
Data de inscrição : 24/03/2015
Cargo : Vilão em tempo Integral

Ver perfil do usuário http://theaftermatch.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Allison Reynolds em Qui Ago 04, 2016 1:01 pm

Ainda com as mãos estendidas, como quem vai bater na porta, Allie permanece parada vendo Faith sair.

Wow.

Certo. Ceeeeerto.

É impossível você não notar a expressão dela, Victor.

Embora você não tenha visto, era bem mais parecida com a Allie caolha.

Talvez tivesse se enganado a seu respeito, pensando que...

Bom, melhor não falar nisso.

- Eu vim aqui perguntar se você estava melhor, mas pelo visto, nem precisava. - e não, ela não vai perguntar.

Nem precisa, convenhamos.

- Bom... encontramos uma pista de algumas atividades suspeitas nesse local. Vem com a gente, xerife?
avatar
Allison Reynolds

Mensagens : 95
Data de inscrição : 25/03/2015
Cargo : Paranoica em desenvolvimento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Annelisa Deveraux em Sex Ago 05, 2016 11:39 am

Bem... Inventar era “menos pior” do que contar, certo? Parece, que daquela vez, sim, era. De toda a forma, não chegou a cogitar a ideia de ser ela a falar qualquer coisa para Victor, já que... Anne não era a pessoa mais “teatral” do mundo. O índio sacaria na mesma hora que ela não estava contando a verdade e a loira não queria correr o risco de estragar tudo e causar alguma confusão no futuro.

Anne 2... era muito difícil de entender sim, ok? Fácil fica para vocês que já sabem o que está acontecendo, huh.

Enfim, apenas acompanhava Allie 2 colocando as benditas coordenadas num papel, e estava meio impaciente. Ah, Allie 1... releva um pouco, poxa. Provavelmente ela/você está com o estresse gritando na cabeça. Se parar para pensar bem... imagina a situação: confiar em duas novatas e tals... deve ser meio angustiante. Mas tem um lado bom...

Aparentemente... nós vamos conseguir.

Logo... sentiu um estranho desconforto ao perceber que a sua versão futurística a encarava, e chegou a pensar que ela contaria algo sobre as asas ou a razão de termos um sangue com gosto esquisito.

Ela falava do cabelo!

- Mas... Mas até que ficou bonito – comentou enquanto tocava uma mecha cor de mel.

No entanto... hm. Talvez estivesse se referindo a outra coisa. Mesmo assim, com um suspiro, acataria o “conselho”. Ou seja... Ficar ruiva? Item riscado da lista.

Aproximou-se de Allison para também observar o que estava escrito no papel, mas antes, deu um “tchauzinho” para as meninas, e então... como a amiga, ficou confusa com a última frase da Allie Caolha. Franziu o cenho e antes que tivessem chance de questioná-la, o portal desapareceu.

- Será que... acontecerá algo com o Dean? Mas, mesmo assim, nós já o conhecemos! Não faz...

Sentido? Pois é.³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³

Problemas... Mais problemas.

- Sim... Parece mesmo importante, embora eu também não goste da ideia de mentir para ele. Mas não é como se não confiássemos no Vic...

Elas disseram que nós conseguiríamos, porém alguma coisa dá errado... Algo que a gente não sabe, ou esqueceu, ou... sei lá.

- Devemos confiar nelas, mas também... tomar cuidado, Allie. Por que não lembramos do Dean? Temos que descobrir isso.

Quando Allie disse que falaria com Victor, Anne não se opôs. Após procurar as coordenadas na internet, elas combinaram o que a tatuada falaria para o ex-xerife.

- Ótimo, Allie, excelente ideia! Boa sorte... – sorriu para ela, piscando.

Como combinado, permaneceu na sala, sentadinha no sofá e com o notebook sobre o colo. Aproveitou para fazer buscas mais especificas no Google. Conforme digitava “Metamorfo”, escutou uma voz bastante conhecida vinda do andar de cima. Espera...

- Faith? – Anne falou no instante que a caçadora surgia no último degrau – Oi... Mas que surpresa... Ahn... Quando é que você chegou aqui?

Tu saiu do quarto do Vic?

What???
avatar
Annelisa Deveraux

Mensagens : 90
Data de inscrição : 25/03/2015
Idade : 20
Cargo : Espécie Desconhecida

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Waya Victor Ka-e-te-nay em Sex Ago 05, 2016 1:15 pm

Victor estava sentado contra a cabeceira da cama.

Parecia, de fato, um pouco melhor.

Vestia uma camiseta branca sem estampas e os cabelos presos em um rabo de cavalo.

Mantinha um copo de água nas mãos e quando a porta se abria, ele olhava diretamente para Allison.

Por isso tinha uma visão bem clara da expressão dela.

- Até mais, Faith… - Respondeu ela com um meio sorriso, conforme ela se afastava e Allison entrava.

Sabia exatamente o que ela estava pensando, mas como dizer algo?

Lidar com pessoas, definitivamente, não era a praia de Victor.

Ela havia crescido apenas com seu pai, que também não era um mestre em relações interpessoais, sabe.

E desde que ele se foi… Bom, era apenas Victor e sua viatura, nada mais.

Por isso era tão fechado e arredio.

Não fazia ideia de como explicar para ela.

Mas, graças aos céus, Allison lhe dava a deixa perfeita.

Ele procurava os olhos dela conforme falava.

- Eu estou bem… E não é nada disso que está pensando, Allie. Eu pedi para Faith ir até a cabana que me mantiveram… Mesmo ela tendo sido derrubada. Quando eu estava lá, tentando sair… Eu tentei contato com fantasmas que eu pudesse provocar e causassem caos o bastante para sairmos, sabe? Não achei nenhum forte o bastante… Mas os que responderam me conheciam, Allie. E isso não saiu da minha cabeça… Eu nunca vi aquela cabana, como eles poderiam me conhecer? - Ele suspirava, passando a mão pela franja que insistia cair em frente dos olhos, em seguida tomando o resto de água que Faith havia lhe dado – De qualquer modo, foi inútil… Ela não conseguiu nada – E então ele colocava o copo no criado-mudo e se levantava, cerrando levemente o olhar… Ainda doía um pouco, mas perto do que era, e do quão resistente Victor podia ser, não era nada, literalmente.

Victor usava calças jeans em tom preto e logo já se curvava, buscando suas botas, desviando agora o olhar.

- Claro que vou com vocês… Um caso é tudo o que eu quero agora. O que você conseguiu?

E era verdade.

Sentia-se bem apenas caçando.

Afinal… Era o que fazia.

E definitivamente era a única coisa que sabia fazer direito.

Que fazia… Sentido.
avatar
Waya Victor Ka-e-te-nay

Mensagens : 83
Data de inscrição : 26/03/2015
Idade : 26
Cargo : Lobo quase Solitário

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Allison Reynolds em Sab Ago 06, 2016 12:10 am

A expressão de Allison ficava menos fechada conforme Victor se explicava. Que tonta, também não precisava dar tão na cara.

Não que o caçador tivesse que fazer isso, mas ainda assim, ele o fazia. E ele falava olhando em seus olhos, de modo que Allia já o conhecia o suficiente para ter quase certeza que ele falava a verdade.

Ouvia o que ele dizia, com uma expressão séria. Ele parecia realmente incomodado com aquilo.

- Sei que você não costuma falar muito nisso, mas talvez aqueles fantasmas pudessem conhecer seu pai? Isso bastaria para que eles soubessem quem você é, não?

Mas não se prolongou muito naquele assunto, falar sobre o pai do Victor não era um assunto recorrente entre eles. Victor manifestava interesse sobre as pistas que Allison e Anne conseguiram, e já se arrumava para sair.

- Certo. Uma ligação dizendo que notou uma atividade suspeita nesse endereço. Pensei que era a Faith mas... bom, agora sabemos que não foi ela. Dizia que.. não é serviço para polícia. Achamos que seria importante dar uma olhada.


E era uma droga mentir para você Vic, acredite.

O caçador já havia manifestado a intenção dele de ir na caçada, porém Allie estava parada diante dele. Agora, ela sorria.


- Certeza que você tá pronto para voltar a ação, Xerife? Você quase morreu. Eu pensei que nunca...

A tatuada parecia hesitar em completar a frase. Repentinamente, os braços dela envolveram Victor, enquanto Allie colava os lábios aos dele. Os corpos se aproximaram, e foi muito intenso, mesmo que por pouco tempo.

Era como se a porra do universo tivesse parado por alguns segundos.

- ... fosse poder fazer isso. - Em seguida falava olhando nos olhos dele, ainda bem próxima.

Caramba, não devia ser tão impulsiva.

Logo se afastava.

Allie arrumava uma mecha de cabelo que tinha escapado da trança. Seu rosto estava levemente ruborizado.

- Bem... Anne está nos esperando. Você sabe onde está o Dean?
avatar
Allison Reynolds

Mensagens : 95
Data de inscrição : 25/03/2015
Cargo : Paranoica em desenvolvimento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Waya Victor Ka-e-te-nay em Sab Ago 06, 2016 10:13 am

Bom, ao menos você tinha dado a justificativa perfeita para ele se “explicar”.

Afinal ele era péssimo com relacionamentos… Eles se resumiam a mulheres aleatórias em cidades do qual passava, normalmente as conhecia em um bar ou mesmo era uma das vítimas agradecidas.

E só.

Nada de ter que se explicar nem nada assim.

Ao menos era um alívio a expressão de Allie amenizar-se.

- Não sei… Não parecia algo tão simples. Eles conheciam meu nome… Meu verdadeiro nome. De qualquer modo é um beco sem saída agora…

Ele dava de ombros.

A verdade é que isso o irritava.

Se não estivesse na cama… Teria descoberto alguma coisa, tinha certeza disso.

Odiava ter falhado… Não era a primeira falha nos últimos meses e estava se tornando recorrente.

O que o deixava puto.

Muito puto.

E então Allie explicava sobre a ligação.

Vic cerrava um pouco os olhos… Quem seria tão direto assim? Bobby? Ellen?

Não seria a primeira caçada as cegas que faria, mas…

- Sem identificação alguma? Temos que ir com cuidado então… Afinal pode ser alguém armando para nós… Antes de sairmos precisamos fazer uma pesquisa sobre o lugar. Notícias esquisitas… Algo que seja nossa tipo de notícia. Mortes estranhas. Desaparecimentos. Enfim… Você deve imaginar qual é nosso tipo de notícia – Ele exibia um meio sorriso.

Mas Allie o olhava em vez de sair.

Com uma expressão que… O fazia pensar menos que o normal, por assim dizer.

E antes que pudesse respondê-la ela o abraçava e beijava.

A reação era imediata, as mãos logo envolviam a cintura de Allie e a colava ainda mais contra seu corpo.

Como ela, a beijava de modo sedento… Como se estivesse há um bom tempo esperando por aquilo.

Logo ela interrompia o beijo, fazendo o universo voltar a rodar.

Vic levava as mãos ao rosto de Allie, o acariciando com a ponta dos dedos.

Logo ela se afastava.

Diferente de Allie, ele não parecia sem graça ou mesmo ruborizado, até porque pelo tom da pele dele, dificilmente apareceria algum rubor em sua face.

Ele apenas mantinha o olhar fixo a Allie, com um meio sorriso.

Leve, quase imperceptível… Mas não para você, não é, Allie?

E antes que a respondesse por Dean, era a vez dele avançar contra Allie, a empurrando contra a parede e a beijando novamente.

Sentia as costelas doerem mas ignorava.

Na verdade era até, de certo modo, bom sentir a dor naquele momento.

E a beijava de modo ainda mais intenso do que antes.

Mas, como ela, ele se afastava um pouco… Mantendo o rosto próximo e os olhos presos aos dela.

- Não sei… Faz algum tempo que… Não o vejo. Ligamos para ele do caminho… Precisamos… Ir… - A respiração era levemente rápida, um pouco entrecortada.

Logo ele se afastava de seu corpo e esperava por ela descer.
avatar
Waya Victor Ka-e-te-nay

Mensagens : 83
Data de inscrição : 26/03/2015
Idade : 26
Cargo : Lobo quase Solitário

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Dean Hartigan em Dom Ago 07, 2016 10:41 pm

Uma piscada e olhos e tudo mudava de figura... novo local, nova conversa, novo susto... Dean estava na cadeira da delegacia encarando uma mulher que ele nem sabia quem era e... Capitã Santiani? WHO THE HELL IS CAPT SANTIANI?!

Dean sacolejou a cabeça, como se quisesse espantar algum tipo de pensamento. Estendeu as mãos sobre as pernas e as olhou, como se estivesse procurando por vestígios da realidade.

Não... nem em seus piores porres irlandeses ele havia passado por uma "nóia" tão escrota!

Ela perguntava se ele gostaria de acrescentar algo mais...

Dean: Ããhn...?

Realmente, o policial não estava prestando a menor atenção ao que a mulher falava. Porém, de alguma forma, aquela mulher não deveria estar ali. Ela não era o seu Capitão e ele não sabia de entrevista alguma com ela.

Bem... Dean só tinha uma certeza... ou melhor... duas! Que as outras coisas anteriormente nunca aconteceram... ele jamais iria sair pra beber enquanto trabalhava como policial. Podia ser um irlandês briguento, mas era um policial responsável... a outra é que a cena com Victor não podia ser real. Dean e Vic não se davam bem o suficiente para um sair pegando carona com o outro para assuntos pessoais. Tudo indicava que aquilo... talvez não fosse real também...

Era hora de jogar as cartas na mesa. Uma mensagem dupla que, se a mulher fosse falsa, ela entenderia de uma forma e se fosse real entenderia de outra.

Dean: Sim... eu quero saber quem é que está ferrando comigo. Quero saber agora.

Se fosse uma mulher de verdade, ela poderia entender que ele queria saber se tinha alguém ferrando com ele no departamento, mas se ela fosse obra da "Matrix"... ela ia entender que na verdade ele queria saber quem estava brincando com a mente dele.
avatar
Dean Hartigan

Mensagens : 57
Data de inscrição : 30/07/2015
Cargo : Personal Stalker

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Admin em Seg Ago 08, 2016 12:04 am

VICTOR, ALISSON E ANNE:
------------------------------------------

Mas que lindo...

Tudo bem, sem pressa.

Não é como se vocês estivessem correndo contra o tempo.

Afinal, eu tenho certeza que para que vocês mesmas solicitassem que suas versões do passado fossem a tal lugar, não é como se fosse importante.

Ou que fosse necessário ter pressa.

Imaginem.

Uma alegre Faith descia as escadas entretanto, parecendo escolher bem o que iria responder e o que não iria para Anne. - Oras, eu não ia deixar minha novata favorita por ai sem mais nem menos. - Ela parecia espiar o notebook e fazer uma expressão estranha. - Metamorfos? Legal...Esses são trapaceiros. Sabe do tipo que mata e pega o lugar da vitima...Bem, vocês tem mais o que fazer e eu também. Trabalhe um pouco naquele cruzado Ann, quem sabe uma outra hora não levo você para caçar por ai?

E saia, se não houvesse impedimentos.

Mas ela não vai com vocês crianças...Ela tem as próprias caçadas dela.

Bom, Dean prontamente começa a procurar razões, problemas ou qualquer coisa em meio a aquela área residencial que vocês tem as coordenadas.

E vocês ja esperavam isso...Não encontram nada. Claro Ann fica sanedo um pouco mais sobre metamorfos mas...No que diz respeito ao "caso". Nada.

Afinal, ainda não aconteceu. Vai acontecer.

Então...Sem grandes alardes.

A questão é que vocês, querendo ou não estão perdendo tempo. Um tempo que vocês não tem.

Se fosse possível descobrir, se fosse possível esperar por uma chamada, vocês não precisariam...Avisar vocês mesmas.

E cada segundo que passam ai, mais vantagem dão ao seu adversário viajante do tempo.

Claro, podiam simplesmente contar para Victor e ignorar o aviso...

Mas...Deveriam?

Ainda é com vocês.

DEAN:
---------

Será que realmente nada aconteceu Dean?

Mas é um raciocínio valido, talvez nada daquilo esteja acontecendo.

Entretanto...Talvez seu apelo tenha dado certo.

Já que você permanece ali

- Quem está "lhe ferrando"... - A capitã parece analisar bem suas palavras, considerando, vendo as possibilidades. Soltando um suspiro antes de seguir: - O que está lhe ferrando é você mesmo Hartigan. Teoricamente, não existe nada que possa lhe atrapalhar...A não ser você, essas explosões receio dos superiores de você se tornar uma "bomba-relógio". Enlouquecer, surtar. Algo acontecer quando estiver em campo. Eu poderia lhe reintrar agora mesmo, mas não vou correr esse risco.

Péssima hora para não sair dali Dean.

- Entretanto, eu sou quero que pense que sou uma megera, então vamos tentar resolver de outra forma. - Ela pegava um papel e escrevia um endereço, lhe entregando Dean. - Avaliação psicológica profissional. Se realmente quer que as coisas voltem a ser como eram, o parecer dela é indispensável. Vejamos o que ela diz, e veremos uma nova reunião.

Ela parecia prestes a levantar. Mas se detêm.

- Sr...Hartigan, acredite eu sei o stress que podemos acumular. Porque não relaxa, toma uma bebida e vê o que realmente é o melhor? Leve alguns dias, seu futuro esta em jogo, pode querer pensar bem nisso. Agora se me da licença, tenho outros assuntos urgentes.

O "Saia da minha sala" mais educado que você ouviu em anos Dean.

Engraçado...Ela falar em um bar.

Será que você realmente não esteve em um bar? Talvez...Ainda va para la?

Enquanto sai do distrito contudo, ainda esperando quando um novo "salto" vai ocorrer entretanto, é surpreendido dessa vez por algo um tanto mais...Sólido. Uma mulher, parecendo usar uma jaqueta jeans masculina, com um olhar um tanto cansado esbarra em você. Mas não, ela não vai fazer nada Dean.

Ela vai pedir.

- Desculpe...Você é policial? Por favor eu preciso de ajuda...Eles não me escutam aqui, eles devem achar que eu sou louca, que estou imaginando coisas. Vendo coisas, eu não sei mais o que é real ou não...Se puder me ouvir apenas por um minuto ou dois eu...

Familiar não acha? Você se identifica mais do que ela pensa...

E mais uma vez, é com você Dean.

Mas pense positivo: Você ainda esta no mesmo lugar...
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 132
Data de inscrição : 24/03/2015
Cargo : Vilão em tempo Integral

Ver perfil do usuário http://theaftermatch.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Allison Reynolds em Seg Ago 08, 2016 12:58 am

Vic, é preciso admitir que o que você fez em seguida, pegou Allison de surpresa.

Prensava seu corpo contra a parede, a beijando novamente.

Mas, da mesma forma que você, ela se entregava.

Afinal.. só vocês sabiam o quanto estavam esperando por isso.

A tatuada sentia o seu corpo próximo daquele jeito e o impulso que sentia era uma enorme vontade de te arrastar de volta pra cama.

Mas havia o caso, como o próprio Victor lembrava. Allie apenas concordava, também um pouco ofegante. - Sim... Depois.

Não era necessário dizer o que, era, Vic?

---

Assim que desciam as escadas, encontravam Anne. Bom Anne, como você viu Faith saindo dali, percebeu que o argumento que haviam criado meio que ficava inválido.

E Victor era experiente o suficiente para não sair numa caçada sem ter pistas que indicassem que algo anormal estava acontecendo.

Mas.. era importante. Não tinham tempo para esperar algo acontecer. Podia ser tarde demais.

Hora de tentar usar seu poder de convencimento, Allie?

- Eu sei que pode parecer estranho, Vic, mas eu sinto como se devêssemos ir até lá dar uma olhada. Não é longe, não fica nem a 1h daqui. Eu sinto que se esperarmos acontecer algo pode ser tarde demais. Podemos ir.. com cuidado. O que acha?

Será que essa intuição não fazia parte também de ser caçador? Não era porque não aconteceu nada.. que não havia nada.

Vic você podia perceber que Allison estava mais inquieta que o normal a respeito disso. Podia ver que ela realmente considerava ir até lá importante.
avatar
Allison Reynolds

Mensagens : 95
Data de inscrição : 25/03/2015
Cargo : Paranoica em desenvolvimento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Annelisa Deveraux em Seg Ago 08, 2016 4:08 pm

Mantinha um sorriso trêmulo aos lábios e o primeiro pensamento foi de que a desculpa de usá-la tinha ido para o ralo. Torcia para que Allie fosse boa na arte do improviso, caso contrário... Estariam meio que ferradas. Deixava o note aberto e sorria mais abertamente para a caçadora, ao ponto de sentir as bochechas doerem conforme Faith se aproximava e dava um olhadão na tela, já que Annelisa controlou o impulso de fechá-lo, pois aí sim iria soar como “criança fazendo coisa errada”. Era só uma pesquisa, oras. Apenas para fins instrutivos.

- Bom saber disso... Não acabamos os treinamentos, hum! – agora ria com mais naturalidade para ela – E a Wil? Ela não disse nada ainda? – já cogitou voltar ao Bronze para falar com a ruivinha, mas a semana andou bastante agitada... Talvez pudesse tirar o vestido do fundo da gaveta de novo...Hmm, e veio me procurar no quarto do Vic? Seeeei... – jogou verde para ver se Faith soltava alguma informação que poderia ser importante ou que tipo de assunto tratou com o índio – Ah... é, bem... Ando fazendo algumas pesquisas sobre várias criaturas para aumentar o conhecimento, embora a prática ainda, ahn... ainda seja a melhor forma de aprendizado. Mas não custa nada, né? Pois é... E... E eles pegam o lugar da vítima?! – Anne arregalou os olhos – Eu... vou gravar isso, obrigada. E pode deixar. Treinei no saco e acho que encontrei o ângulo perfeito – mostrou uma carinha convencida.

Acenou com a cabeça diante da perspectiva de um convite.

- Eu vou adorar! Tchau, Faith... Apareça mais vezes. Na próxima rodada de pizza e cerveja, eu te aviso, tá?

Porém, antes dela ir embora, Anne a chamou de novo, mas... desistiu.

- Ah, não é nada! Só ia falar para você não esquecer de falar com a Wil... Se bem que... Eu quem deveria procurá-la e deixar de ser tão acomodada.

Afinal, a Wil ajuda, se oferece, diferente de outras pessoas...

Quando Faith tivesse partido, Anne voltaria para o notebook e a pergunta que não fez para a amiga 2, ela digitou:

“Como matar um metamorfo?”

E era nesse momento que Allie e Vic chegavam na sala, a assustando com a aparição repentina. Derrubou o note no chão e o mesmo desligou por causa da queda.

- Desculpem, estava concentrada aqui e... Hey, Vic! Parece bem melhor, hein? – Anne puxou o aparelho e o deixou no sofá após se certificar que não tinha o estragado – A Faith acabou de sair.  Ahn... A Allie já te contou, certo? É...

Allison insistia mais nada ideia, e apelava para um lado... intuitivo com o acréscimo da confiança. Anne dividiu olhares entre os dois, e... não percebeu nada de diferente.

Decidiu forçar a barra.

- Eu confio na intuição da Allie... Além do mais, de todos nós, ela é a única que consegue ler aquele livro estranho. Então... talvez o sexto sentido dela seja mais apurado que o nosso... E podemos mandar uma mensagem para o Dean no caminho, que tal? Aliás... onde ele se meteu?
avatar
Annelisa Deveraux

Mensagens : 90
Data de inscrição : 25/03/2015
Idade : 20
Cargo : Espécie Desconhecida

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Waya Victor Ka-e-te-nay em Seg Ago 08, 2016 8:40 pm

Tenho a impressão que vamos nos arrepender de não voltar ao quarto, Allie.

Mas logo ele a seguia, descendo as escadas para o andar inferior.

Logo Anne derrubava o notebook, fazendo Victor serrar levemente os olhos.

Era por ser desajeitada daquele modo que ele se preocupava que a garota não poderia se proteger sozinha.

- Sim, muito melhor… - Respondeu com um sorriso.

Estava um tanto quanto… Sorridente.

Ao menos mais sorridente que o normal, Anne.

E então finalmente falavam sobre a caçada.

E não… Havia… Nada?

Ele arqueava as sobrancelhas.

Caçar sem notícias? Só a base de intuição e um telefonema?

Ele suspirou longamente.

- Não parece uma boa ideia sairmos só por conta de um telefonema sem nada concreto… Eu sei o quanto você pode ser… Intuitiva e em como aquele livro fala com você, Allie… E sinceramente, não sabemos até onde aquele livro pode ser confiável, afinal não sabemos de onde ele veio nem nada disso. Nenhuma magia, ainda mais na do nível das que o livro te leva a fazer, vem sem um preço, entende? Fora que minha última volta por aí confirmou que não podemos confiar em ninguém. Nem nas vítimas… - Ele suspirou longamente e, por fim, deu de ombros - Podemos ir dar uma olhada, não vejo problema nisso… Mas quero cuidado mais do que redobrado. Olhos nas nucas… Afinal, se não for armadilha, não temos nem pista do que estamos lidando. Se equipem… Saímos em cinco.

Por fim concordou com a mensagem a Dean. Mas… Fazia tempo que não tinham notícia dele, não é mesmo?

- Manda a mensagem pra ele… Vou tentar obter sua localização… - Ele enfiou a mão no bolso e foi escolhendo entre os aparelhos. Eram cerca de três ou quatro, todos descartáveis e com identificações atrás escritas em uma fita crepe.

Apanhou um dos aparelhos e fez a discagem, conforme apanhava uma pequena caderneta de dados, sentando-se e apanhando o notebook de Anne, entrando na página da polícia de rastreamento via GPS.

Colocou o login e senha que Bobby havia lhe fornecido.

Mas não adiantaria nada se não pudesse ativar o GPS de Dean, por isso a ligação.

- Olá, boa noite… Sou o detetive Willian Cobain, número de série 56741. Tudo com você, Natalie? Posso te chamar de Nate? Nate, eu preciso de um grande favor seu… Daqueles enormes, sabe? Meu parceiro tá sumido há alguns dias… E eu sei que não é nada para se preocupar, afinal vez ou outra ele toma algumas e acaba ficando em algum lugar não muito familiar, sabe? Mas o capitão está no meu pé e eu preciso muito falar com ele. Tentei localizá-lo pelo GPS e está desligado… Será que você poderia ligar o GPS daí, para que eu possa encontrá-lo e garantir que ele continue pagando a pensão dos filhos? Sim, o safado tem filhos… Se a esposa ficar sem a pensão eu nem sei o que vai ser daqueles dois. O número é 555768532… Obrigado, Nate. Você é um anjo, sabia?

Agora vamos ver se vai dar certo.

Na maioria das vezes funcionava, ao menos.
avatar
Waya Victor Ka-e-te-nay

Mensagens : 83
Data de inscrição : 26/03/2015
Idade : 26
Cargo : Lobo quase Solitário

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Allison Reynolds em Seg Ago 08, 2016 9:14 pm

Allison sorria levemente ao ver Anne se atrapalhar e derrubar o notebook. Ao contrário de Victor. Quase podia notar na expressão do caçador o que ele estava pensando.

E ela discordava completamente. A verdade era que Allie confiava que Anne era capaz de se defender.

Quando estava no show de Cora, Anne deu um jeito de ajudá-la, não deu? E salvou sua vida. Afinal, Allie enfrentava um lobisomem, e provavelmente não aguentaria muito tempo.

Bom, se perguntassem a Allison, ela diria que confiava nas capacidades de Anne plenamente. Por mais frágil que ela parecesse. Sabia que ela era mais do que aparentava.

Não havia muitas possibilidades de convencer Vic a irem atrás da pista, além da ligação e a sua intuição... Anne tentava reafirmar o argumento de Allie, enquanto Victor levantava algumas questões.

- O livro não deu sinal dessa vez... Na verdade, faz um tempo que ele não faz nada. - deu de ombros. Não havia muito tempo para conversar sobre aquilo. Sim, ele havia ajudado, e até então não cobrou "preço" nenhum. Mas... não era uma possibilidade completamente descartável, era? Talvez estivesse dedicando a entender como funcionava menos tempo do que deveria... Mas isso era assunto para outro momento.

Bom, pelo menos Vic concordava em dar uma olhada. Tomar cuidado, ok, anotado.

E.. era bom te ver sorrindo, Xerife.

Enquanto Victor tentava localizar Dean pelo GPS, Allie não pegava muitas coisas do arsenal que tinham a disposição. Na verdade ela pegou a arma que ganhou de Dean, com a borboletinha no cabo, balas de prata. E.. dois punhais de prata, um guardou junto com a bainha dentro da bota de cano meio largo que usava, e a outra no bolso da jaqueta de couro.

Após Victor terminar de tentar localizar Dean, era hora de saírem. Allison falou para ele antes que fossem até o carro.

- Bom... Tem algo importante que ainda não falamos, Vic. A ligação alertava para o fato de que era um metamorfo - Dessa vez o tom da tatuada era mais sério que o normal. Pegou a adaga que estava no bolso e levou até o próprio dedo. - Primeiro ponto é saber que podemos confiar uns nos outros, concordam?

Um movimento um pequeno filete de sangue escorria do dedão. Se quisessem a faca emprestada...

Era hora de irem, já haviam perdido tempo até demais.
avatar
Allison Reynolds

Mensagens : 95
Data de inscrição : 25/03/2015
Cargo : Paranoica em desenvolvimento

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Annelisa Deveraux em Ter Ago 09, 2016 4:42 pm

Com a resposta da Victor, acompanhada de um sorriso, Anne mostrou um ainda maior, realmente feliz pela melhora do amigo, mas... isso não significa que ele já podia sair cheio dos exageros. Na verdade... O índio parecia sorridente demais, até. E de uma forma louca, aquilo soava estranho para Annelisa. Um estranho bom, mas ainda assim estranho. Vic... está começando a ficar meio assustador. Não, brincadeira, tá não.

Aliás, Allie... Se a Anne tivesse a capacidade de ler pensamentos, ela te dava um beijo! Cool

Enquanto ele falava, expondo suas colocações, Anne ficava com a maior cara de paisagem e mordendo o interior das bochechas, porque... era difícil saber a verdade e não poder contá-la. Anne era uma péssima mentirosa por uma excelente razão: porque odiava mentiras. Mas enfim... Era focar que se tratava de um motivo que justificasse a maneira que estavam enganando o índio.  Pela missão... certo? Poderia colocar na conta da Anne 2 e da Allie 2. Ele não se opunha a seguir a pista, apenas pedia atenção redobrada. Na verdade... até que foi fácil.  Também comentou sobre o livro de Allison e que a magia dos feitiços possuía seu preço. Anne engoliu em seco nessa parte, apreensiva.

- Eu mando, pode deixar - lançou um rápido olhar para a amiga, e ela entenderia fácil o alívio

Trocou de lugar com Victor, deixando o notebook para ele e pegava o celular no bolso, digitando uma mensagem para Dean.

"Hey, Dean...
Precisamos falar com você, sumido. Mande notícias antes que a gente coloque sua cara em sites de desaparecidos."


Enviada.

Antes de Anne subir para pegar suas coisas e vestir algo decente, Allie deu outra informação para Victor. Falou sobre o metamorfo. Esperava que o ex-xerife não desconfiasse... Mas era necessário prepará-lo para o que estavam prestes a enfrentar.

Allison levantou outra questão também, e ela pareceu tão Vic agora... mas de certo modo, era bom. Significava que estava pegando a manha.

- Bom, é isso aí... Pode me emprestar? - esticou a mão e quando Allie lhe entregasse a faca, também furaria o dedo indicador, deixando que o sangue surgisse da minúscula ferida - Pronto... Vic? - ofereceu a adaga para ele.
avatar
Annelisa Deveraux

Mensagens : 90
Data de inscrição : 25/03/2015
Idade : 20
Cargo : Espécie Desconhecida

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Dean Hartigan em Ter Ago 09, 2016 9:09 pm

Certo... então a Capitã não parecia uma ilusão ou sonho. Aquilo tornava as coisas ainda mais complicadas. Ela dizia entender o stress que eles passavam e Dean, no fundo, acreditava. Afinal, ninguém chega a Capitão sem antes passar pelas ruas.
O policial pegou o cartão e o olhou, de frente a verso. Guardou no bolso da jaqueta com um sorriso impaciente para tentar não ser grosseiro. Não ia adiantar conversar com aquela mulher... se ela fosse parte daquele sonho, ou ela fingia muito bem, ou ela realmente não sabia de porra nenhuma. Entretanto, nunca se sabe o que pode sumir de um salto para o outro, certo? Então Dean memorizou o número, nome e endereço no cartão. Caso o cartão sumisse, ele teria de contar com a sua memória para isso.

Dean: Tá certo, Capitã. Eu vou dar uma passada nessa... psiquiatra? Não se preocupe...

Levantou-se e colocou-se de saída. Na volta, uma mulher esbarrou nele. Ela parecia mais uma pessoa desesperada e Dean mal deu ouvidos à ela.

Dean: Desculpe, senhora. Este aqui não é o meu departamento.

Ia se dirigindo à saída quando ela falou algo que fez a orelha dele saltar como a de um pastor alemão. Ele voltou e agarrou o braço da mulher por trás, meio que a conduzindo para fora do prédio.

Dean: Vamos indo, senhora. O pessoal dessa DP tem muito a fazer e não podemos ficar lidando com fantasias. Venha...

Foi conduzindo ela, mesmo sob os protestos dela. Saiu pela porta dos fundos e soltou o braço dela quando chegaram no beco, nos fundos da delegacia. Meio que levantou as palmas das mãos mostrando que não queria briga.

Dean: Calma! Eu... acredito em você. Eu tô passando pela mesma coisa.

Encostou-se na parede e tirou um maço de cigarros da jaqueta. Deu duas batidinhas para sacar um eles e ofereceu um pra ela. Se ela topasse acenderia o dela, depois o dele e daria uma tragada.

Quando o ar voltasse aos pulmões, ele olharia pra ela. As costas e um dos pés encostados no muro da delegacia.

Dean: Vamos começar do começo... meu nome é Dean Hartigan. Sou policial da SWAT de NY e estou preso no mesmo tipo de sonho que você. Ás vezes quando pisco, apareço em outro lugar, sem saber como fui parar lá. Antes que o "destino" acabe nos separando... é melhor contarmos logo um pro outro tudo o que sabemos sobre isso.

Tirou o cigarro da boca e fez um gesto pra ela.

Dean: Você começa...
avatar
Dean Hartigan

Mensagens : 57
Data de inscrição : 30/07/2015
Cargo : Personal Stalker

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [01 x 04] - Causa e Consequência

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum